PROMESSA: CONHECER 46 MIL BARES


Prometi a mim mesmo conhecer um a um os 46 mil restaurantes de São Paulo. Promessa impossível de ser cumprida, apenas brincadeira de pandemia. 
A tentativa  poderia ser facilitada pelo grande número de falências, já que pelo menos um terço desse tipo de comércio encerrou suas atividades, como todos sabem.
Para dizer a verdade, muito antes dessa oportunidade proporcionada pela pandemia, conhecemos quase todos os bares do Bixiga, da rua Bela Cintra, dos diversos clube de campo, das principais estradas que saem de São Paulo, do topo dos prédios da Avenida Paulista, dos altos do antigo Banespa, Terraça Itália - enfim, já almoçamos até na Serra da Cantareira e no Pico do Jaraguá. Às vezes nos perguntamos como sobrevivemos a tão variados temperos e a eventuais desentendimentos.  

De vez em quando observamos também que não há diferença entre certas feiras do Nordeste e o entorno do Mercado Municipal da Lapa, por exemplo, que visito com frequência. Aqui também tem de tudo, como na perfeita descrição de Onildo Almeida sobre a Feira de Caruaru, sucesso de Luís Gonzaga. Tem boneco de Vitalino (ou imitações), pipoca de Gravatá, rapadura de Santa Cruz de Capibaribe e jeans, muitos jeans. Na margem direita do rio Tietê existe o Centro de Tradições Nordestinas, semelhante à Feira de São Cristóvão, do Rio de Janeiro. 

Impossível, de fato, resistir aos sofisticados restaurantes dos jardins, onde nos fins de semana pontificam (ou pontificavam antes dessa catástrofe) grandes conjuntos e artistas. Ia por exemplo ao Santo Colomba, da Alameda Lorena, só pra ver e ouvir o pianista caruaruense Giuseppe Mastroianni, aos 85 anos. Lá encontrava até Gilberto Gil.

A disponibilidade de tantas opções permite-nos cumprir orientação dos  nutricionistas quanto ao quesito variedade. Quem não gosta de comida nordestina pode experimentar a alemã, a coreana, a japonesa, a peruana, a que imaginar. 

Obviamente nunca falarei a meu médico sobre isso. Seria bronca na certa.

Contento-me com a esperança de que estaria exercendo uma prática de boa nutrição. Felizmente as recomendações dos cientistas derrubaram o sonho louco de conhecer todos os restaurantes. Terei de me contentar com o delivery.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O ETERNO CANDIDATO

SINAL DOS TEMPOS

MINHAS CENAS INESQUECÍVEIS